15 de março de 2018 Comentários (0) Artigos & Dicas, Treino & Saúde

Veja 8 dicas e benefícios para ir trabalhar de bicicleta

Aproveitar as paisagens da cidade, se livrar do trânsito caótico de todas as manhãs, exercitar o corpo e a mente… Já pensou que a sua bicicleta, aquela encostada nos cantos da casa, pode substituir o transporte público ou o carro na hora de ir para o trabalho? Principalmente para quem mora mais próximo ao local de ofício, essa pequenas mudanças de hábitos podem beneficiar o meio ambiente, a nossa saúde e ainda ser um estilo de vida consciente para quem busca bem-estar! Confira algumas dicas básicas para começar a “trabalhar de bike”!

Apesar de muitas pessoas só começarem agora a utilizar a bicicleta como meio de transporte para ir trabalhar, esse hábito é antigo no mundo inteiro. Criado nos Estados Unidos, em 1956, o “Bike To Work Day” (“Bicicleta para o dia de trabalho”) foi idealizado a fim de incentivar o uso do veículo não só para lazer. No Brasil, o mês de maio é dedicado à causa “De Bike ao trabalho” e cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Salvador e Manaus, por exemplo, já aderiram a prática.

O Dia De Bike ao Trabalho é uma oportunidade para realizar quantas atividades sua imaginação permitir para promover o uso da bicicleta ao trabalho. Esse dia é destinado tanto para as pessoas que queiram começar a pedalar, quanto para organizações, empresas ou governos que queiram promover ações para seus funcionários ou cidadãos“, divulgou a ONG responsável pela campanha.

Os benefícios de ir de bike para o trabalho

Segundo a professora de Educação Física, Laura Castro de Garay, tornar a bicicleta um meio de transporte é ótimo para a saúde. A prática pode aperfeiçoar o condicionamento físico e a capacidade aeróbica do praticante:

“Quando praticado todos os dias, mesmo que em intensidades moderadas, pedalar auxilia os níveis de colesterol, diminuição da gordura corporal, aumento da autoestima e motivação para aderir a outras atividades mais intensas. Então, por que não unirmos o útil ao agradável? As orlas da cidades de vários estados do território brasileiro são cercadas de extensas ciclovias, por exemplo. Uma ótima opção para quem deseja usufruir deste transporte ao ir para o trabalho”, analisa a profissional separando dicas e cuidados:

8 dicas importantes para ir de bicicleta para o trabalho

1 – Conhecer o trajeto: Segundo a professora, a distância que será percorrida é fundamental, principalmente para os que não são condicionados, sendo necessário se condicionar para realizar este esforço. “Alternar os dias com outra forma de transporte durante as semanas iniciais. Verificar se terá subidas ou descidas, ou algum trecho em que a ciclovia não exista. Caso tenha que pegar a rua, saia da bike até a ciclovia aparecer para você”, indica Laura.

2 – Bike confortável: Para tornar a bicicleta um meio transporte, o conforto deve ser priorizado: “Lembre-se que irá para o trabalho e que se for encarar horas sentado no escritório, este conforto é fundamental. Não deixe o guidom muito baixo, cuidado com a cervical e a lombar. Uma postura neutra do tronco, braços e cabeça é o ideal”, explica a professora.

3 – Hidratação: Hidratar o corpo é fundamental, principalmente durante a prática da atividade física. “Em dias quentes, não se esqueça da garrafinha d`água, normalmente os suportes no quadro da bike são super práticos”, ressalta.

4 – Proteja-se: Protetor solar, um boné e óculos e uma capa de chuva, no caso de ser pego de surpresa no caminho.

5 – Acidentes acontecem, esteja prevenido: Segundo a professora Laura, alguns é importante estar preparado para alguns “probleminhas”: “Caso o pneu fure, você deve ter spray selador, veja em uma loja especializada para tapar o furo até chegar em um lugar para realizar o reparo. Porém, portar uma tranca, caso a bike tenha que ser deixada no local. E não esqueça de levar o banco com você”, ressalta.

6 – Acessórios: Uma buzina, espelhinhos retrovisores e caso pedale a noite, faróis e luz traseira para que os outros te vejam, atente-se aos cuidados ao pedalar a noite!

7 – Vestimenta: O ideal é estar sempre confortável e hidratado, de acordo com a estação do ano, óculos para sol e vento, bermuda com acolchoado. Leve sua roupa de trabalho na mochila. E no caso de frio, cuidado, pois se estiver de calça a corrente pode sujar sua roupa.

8 – Segurança: A professora alerta: “Tenha uma bike que não chame muita atenção e fique atento ao buracos, pessoas, trajetos, outras bikes e corredores na ciclovia, além de pedestres atravessando sem olhar”, finaliza a profissional.

* A professora Laura Castro de Garay é CAO na goTeach – Instituição Educacional de Cursos de Educação Física e PhD. em Biodinâmica do Movimento e Desporto (UNICAMP/Portugal).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *