22 de janeiro de 2020 Comentários (1) Artigos & Dicas, Treino & Saúde

Zwift: O simulador de pedal, que está revolucionando a forma de treinar

Falta de tempo, insegurança e clima ruim são apenas alguns dos obstáculos que ciclistas encontram para treinar. Porém, com o lançamento do Zwift, um simulador online de ciclismo que permite que você pedale com pessoas do mundo inteiro, este cenário mudou. Mas o que você precisa para jogar?

Este é um recurso para de treinar e se divertir com a bicicleta, melhorando sua forma física inclusive para pedaladas reais. Se você não acredita, pergunte para Mathew Hayman, que venceu a Paris-Roubaix em 2016 depois de quebrar o braço e treinar praticamente só no mundo virtual.

O que você precisa para jogar Zwift

Computador, iPhone ou iPad

O primeiro passo para jogar é instalar o programa em seu computador. Todavia, é preciso que ele possua uma configuração mínima. Também é possível jogar pelo iPhone ou iPad, desde que ele rode o iOS 9.0 ou sistemas mais modernos.

Configuração mínima para PCs:

  • Sistema: Windows 7 x64 bit, OSX 10.8
  • Processador: Intel Core 2 Duo
  • Memória: 4GB
  • Placa de vídeo: GPU dedicado de 1GB ou Intel HD 4000/AMD R5
  • Espaço no HD: 4GB

O programa

Você pode baixar o jogo no site oficial oficial do Zwift. Atualmente é possível jogar gratuitamente por 7 dias. Depois deste período, é preciso pagar uma mensalidade de 10 dólares para continuar.

Internet

O Zwift precisa de uma conexão com a internet para funcionar. Sem ela, você não vai conseguir logar em sua conta. É possível continuar jogando se a internet cair e você já estiver logado, mas você vai ficar “sozinho” no mundo virtual.

Rolo de treino

Você vai precisar de um rolo de treino que seja compatível com o Zwift e com a sua bicicleta. Para saber se seu rolo é compatível, acesse a página de rolos compatíveis com o Zwift.

Sensores

Para calcular a velocidade do ciclista virtual, o Zwift utiliza peso e altura do ciclista, resistência do ar, inclinação do terreno e, acima de tudo, a potência gerada pelo atleta. Atualmente, o jogo possui três formas para captar ou calcular sua potência.

1) Sensor de velocidade
Neste caso, não existe medição de potência e sim simulação. Para isso, o aplicativo vai utilizar a velocidade que você gira o rolo compatível com o jogo para calcular uma potência virtual – a ZPower. É importante dizer que um cálculo de potência nunca será 100% preciso, já que fatores como pressão do pneu, aperto do rolo e muitos outros podem afetar a medição.

2) Medidor de Potência
Um medidor de potência é capaz de mensurar com grande precisão a potência gerada por um atleta. Atualmente, existem diversas opções no mercado, cada com suas vantagens e desvantagens. No Zwift, eles tornam o jogo mais real, já que a potência usada pelo aplicativo muda de forma imediata, permitindo acelerações mais reais. Com o sensor de velocidade, é preciso que a roda acelere ou desacelere antes que o jogo perceba uma mudança de potência, deixando tudo mais lento.

3) Smart Trainer
Os Smart Trainers – ou rolos inteligentes – são modelos capazes de “conversar” diretamente o Zwift, eliminando a necessidade de sensores de velocidade ou medidores de potência na bicicleta. Alguns deles são capazes de simular mudanças de terreno como subidas, descidas e até a trepidação de paralelepipedos. Os modelos mais avançados consumam ter um medidor de potência embutido. Já os mais simples apostam em um sensor interno de velocidade e em algoritmos que calculam a potência. Com isso, os modelos mais simples também estão sujeitos a imprecisão, muitas vezes precisando de calibração cuidadosa antes de cada pedalada virtual.

Antena ANT+ ou aparelho com Bluetooth

Para captar os dados emitidos pelo medidor de potência, sensor de velocidade ou smart trainer que emitem sinais ANT+, seu computador precisa de uma antena USB2 ANT+. Existem dezenas de modelos no mercado, mas os mais comuns são os da Garmin.

Se seus sensores trabalharem com o padrão Bluetooth LE, existem três formas de fazer o pareamento com o Zwift. A primeira é baixar o aplicativo gratuito Zwift Mobile Link para iOS ou Android, a segunda é utilizar o BLE nativo de computadores Mac e a terceira é rodar o jogo diretamente de um iPad ou iPhone.

Opcionais recomendados

  • Extensão USB: Um item quase obrigatório que permite colocar a antena ANT+ perto dos sensores, evitando frustrantes quedas de sinal.
  • Sensores de cadência e batimentos cardíacos: Permitem que você acompanhe mais detalhes do seu treinamento. Vale ressaltar que, com um sensor de cadência, o ciclista virtual vai imitar sua velocidade de pedalada e também ficar em pé toda vez que você baixar de 70 rpm nas subidas.
  • Ventilador: Sem o vento soprando no rosto, um ventilador é fundamental para manter seu corpo resfriado durante o treinamento.
  • Toalha:  Sim, você vai suar muito mais do que imagina. Por isso, convém manter uma toalha à mão.

Uma resposta para Zwift: O simulador de pedal, que está revolucionando a forma de treinar

  1. Pereira Lima disse:

    Bom eu uso com android… então, pelas informações de “O que você precisa para jogar Zwift
    Computador, iPhone ou iPad” eu estou fora do que precisa para jogar…. ou seja, meus comentários não seriam relevante, ja que não curto maça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *